101 Dicas Essenciais para o Treinamento
Por Herb Welling & Chris Cundeff

Introdução

Nesta clínica Five-Star queremos presenteá-lo com uma lista substancial das idéias que, quando usadas em uma base consistente, podem fazer de sua equipe uma ainda melhor. Use estes conceitos nos planos de jogo ou em preleções da equipe para ajudar a educar sua equipe sobre como o jogo deve ser jogado.
A Lista dos Fundamentos para o Treinamento
1. Tenha uma jogada de bola-ao-alto (faça o treinador adversário começar trabalhar do começo).
2. Sua primeira posse de bola deve partir pra dentro. (tente logo no início carregar o pivô adversário com faltas).
3. Zona para todo fundo-bola.
4. Peça tempo após três cestas consecutivas do adversário.
5. Construa a vantagem primeiro.
6. Não cometa faltas.
7. Faça tantos lances livres quanto o adversário.
8. Se um jogador atingir sua segunda falta no primeiro quarto, substitua-o, e traga-o para o jogo com 6 min. para terminar o segundo quarto.
9. 45 segundos ou menos, segure o jogo para o último arremesso do quarto.
10. Mude a defesa em cada pedido de tempo.
11. Tenha 3 MANDAMENTOS no ataque e na defesa que traduzam a sua filosofia.
12. Tenha uma jogada em seguida a cada cesta do oponente. (Se assegure de um grande arremesso).
13. Após cestas convertidas, utilize meia-pressão.
14. Após cestas perdidas defenda individual pressão na quadra toda.
15. Após qualquer violação, use 1-3-1 com armadilha.
16. Após lances-livres convertidos use 1-2-1-1 pressão.
17. Após lances livres perdidos, use 2-2-1 pressão.
18. Saiba o ombro preferido do pivô oponente.
19. Saiba a mão fraca do guarda oponente.
20. Saiba as tendências do ataque do oponente.
21. Saiba as fraquezas da defesa do oponente.
22. Saia de um pedido de tempo executando uma jogada.
23. Quando jogam armadores muito bons, use defesas combinadas ou zonas abertas. (exemplos seriam uma 1-3-1 aberta ou uma box).
24. Quando se joga contra um grande pivô use uma defesa individual prudente ou zona.
25. Mostre homem, jogue zona e vice-versa. (faça a equipe adversária pensar, isto torna-os lentos).
26. Ao jogar contra uma equipe louca, jogue de forma conservadora; não estenda os limites da quadra. Certifique-se de movimentar a bola sobre os limites da quadra.
27. Seja orientado à penetração. Você pode fazer isto com post-ups (jogo de costas para a tabela), dribles, passa e entra, rebotes ofensivos e pick-n-roll (bloqueio seguido de passe e penetração).
28. Atenção para conquistar muitos pontos no departamento de roubo de bola e bandeja. Equipe que faz bandeja pressiona a bola.
29. Ao jogar com uma equipe que envia os cinco à tabela ofensiva, envie um coelho ou uma cereja em profundidade.
30. Use uma zona match-up (zona com características de marcação individual) para confundir oponentes.
31. Movimente a bola com uma finalidade no ataque. Não se desfaça apenas da bola e vá para um lugar qualquer.
32. Previna-se contra toda pressão homem a homem e contra uma corrida e arremesso com salto. Você pode querer ter um pivô para levar a bola para o ataque.
33. Suas jogadas devem ser para:
1. Bandejas
2. Arremessos
3. Back-doors (passe picado para o companheiro que corta e penetra pela lateral sem marcação)
4. Penetrações

34. Tenha condições de jogo. Servem como uma luz de trânsito. Você ganha a habilidade de controlar situações sem um pedido de tempo.
1. Vermelho - perigo, deve aumentar o tempo (ritmo), em apuros;
2. Branco - estilo normal de jogo (sua filosofia);
3. Azul - céu azul, tudo está muito bem, nenhuma falta, nenhum 3 pontos, limite para um arremesso.

35. Durante pedidos de tempo mantenha-o simples. Mencione 1 idéia ofensiva e 2 idéias defensivas no máximo.
36. Faça um gráfico dos jogos dentro do jogo.
1. Marque primeiro em cada quarto;
2. Situações de pedido de tempo, nós marcamos pontos ou eles?
3. Nós convertemos cestas eficazmente em jogadas de fundo-bola ofensivas e defendemo-nos eficazmente das mesmas jogadas?

37. Tenha designadas metas para jogadores e situações e exercite-as durante os treinos.
38. Tenha um sistema de rebote ofensivo organizado.
39. Rebote, REBote, REBOTE!!!
40. Em todas as situações de rebote defensivo para lances livres, tenha 5 jogadores prontos.
41. Durante os lances livres ofensivos tenha ao menos dois jogadores recuados.
42. Toque para fora todos os rebotes ofensivos quando você não puder segurar a bola com as duas mãos.
43. Tenha uma posição segura. Todos em sua equipe devem saber que se alguém salta para fora das linhas da quadra ele está indo salvar a bola para o mesmo ponto.
44. Procure encontrar e utilizar as vantagens de estatura.
45. Faça substituições e mude a estratégia em situações de lances livres.
46. Se você for abaixo da média utilize somente 7 jogadores, se você for mediano use 8 jogadores, se você estiver acima da média use nove, e se você for superior use 10.
47. Saiba como jogar em três velocidades, lento, médio e rápido.
48. Tenha 2-3 jogadas de controle.
49. Desenvolva o ataque balanceado.
50. Os arremessos de 3 pontos devem vir após a entrada do pivô.
51. Cedo na temporada institua uma regra de 6 passes.
52. Atenção para bombardear duas vezes por jogo cestas conquistados sobre os oponentes.
53. Tenha uma defesa EXCÊNTRICA.
54. Use faltas no final de uma partida para parar o cronômetro e alongar o jogo.
55. Tenha substitutos ofensivos e defensivos no final do jogo.
56. Aperte em todos os lances livres.
57. Guarde todas as grandes jogadas para o final do jogo.
58. Desenvolva uma hierarquia dos pontuadores.
59. Desenvolva um estopim ou sexto homem (tenha um homem para o ataque e defesa imediatos).
60. Seu armador deve estar treinado para todas as situações de bola morta.
61. Use uma comunicação não-verbal.
62. Escute seus jogadores (sua aprendizagem nunca deve parar)
63. Nenhuma falta técnica. Deixe os árbitros em paz e oriente seus jogadores.
64. Sempre esteja pensando adiante.
65. Jogue posse por posse; faça sempre os quartos como (isto possibilita também fazer gráfico nos jogos dentro dos jogos).
66. Cometa falta dura nos dribladores e pivôs cedo no jogo para ajustar o tom. 
67. Seja físico, cortador de contato, bloqueie duramente, atravesse duramente bloqueios, bloqueie sempre fora, tome faltas e mergulhe para bolas perdidas. 
68. Ao defender uma estrela:
1. Negue-lhe a bola
2. Prenda-o ocasionalmente para fazê-lo desfazer-se da bola.
3. Seja físico e ataque-o no ataque
4. Faça-o jogar através de muitos bloqueios
5. Tente cavar faltas

69. Seja positivo, duro e desafiador com sua equipe.
70. Não tenha medo de seus jogadores.
71. Seja quando você estiver para cima ou para baixo no final de um jogo, não pare de ser treinador.
72. Pratique sempre situações de fim de jogo.
73. Dê à sua equipe uma possibilidade ganhar cada noite, não importa o estilo.
74. Nenhuma conversa antes do jogo, torna as coisas tensas.
75. Guarde a carta da manga para os grandes jogos quando você o necessitar realmente.
76. A qualquer momento que um companheiro é substituído deve trocar uma toalha e dizer a seu companheiro quem está marcando (o banco deve também se levantar e bater palmas).
77. Tenha um capitão de banco.
78. No intervalo da partida converse sobre estes itens:
1. % arremesso
2. Totais do rebote
3. Perdas de bola
4. Idas à linha de lance livre
5. Ajustes
6. Desvios

79. Três períodos mais importantes de um jogo são:
1. Primeiros 2 minutos do jogo
2. Últimos 2 minutos da metade
3. Primeiros 2 minutos do 3º quarto

80. Conheça os piores arremessadores de faltas do oponente.
81. Conheça seus próprios piores arremessadores.
82. Saiba as condições do assoalho e as condições da cesta.
83. Quando você é um inferior óbvio encurte o jogo tanto quanto possível.
84. Saiba as forças e fraquezas dos treinadores adversários.
85. Tenha um plano de 4 minutos para o 4º quarto.
86. Tenha um plano de 2 minutos para o 4º quarto.
87. Seu pivô deve tocar a bola todas as vezes no ataque em meia quadra.
88. Mande seus assistentes prestarem atenção ao lado fraco no ataque e na defesa.
89. Use uma meia pressão para controlar o tempo.
90. Use um gráfico de aproveitamento de arremessos durante o jogo.
91. Não desista de bandejas.
92. Tire oponentes de zonas quando você está na frente.
93. Os jogos são ganhos ou perdidos em mini-períodos.   6-0, 6-2, 4-0. Compreenda-os e eles levarão aos períodos totais.
94. Lembre-se, isto é apenas um jogo.
95. Mantenha-o divertido para os jogadores. Faça-os trabalhar duramente e compreender o esforço necessário, mas force o ingrediente essencial - divertimento.
96. Pratique situações ofensivas e defensivas de lances livres.
97. Gaste 15 min. diários na pressão de ataque.   5 min. contra zona-pressão quadra toda.   5 minutos contra zona-pressão em 3/4 de quadra.   5 min. contra defesa com armadilhas meia quadra.
98. Tenha um assistente no banco encarregado de match-up's.
99. Quando você tem margem de faltas no 4º quarto, cometa faltas para retardar o cronômetro.
100. Situações Especiais:
1. Acima de 3 e abaixo de oito segundos restantes.   Falta.   Confie na habilidade do seu jogador ao rebote de defesa em todos os lances livres. Treine isto.
2. Sempre quando é um jogo de 2 posses, cuide para converter 2 rápido. Ataque o aro, eles não querem a falta. Então, faça um pedido de tempo rápido.
3. Quando acima ou abaixo nos últimos 2-min. , mude todos os planos. Quando jogo empatado jogue dentro de sua filosofia.
4. Jogando fora, abaixo por 2. Dois melhores jogadores ofensivos estão no banco. Vá para a vitória.

101. Faça um mapa dos 3 últimos jogos do seu oponente e registre todas as suas posições de cestas convertidas.

Sumário
Treinadores, recordem-se que é a execução consistente das pequenas coisas repetidamente que resultam na melhoria em desempenho de suas equipes e conduzem às vitórias dos jogos. Não negligencie a importância de educar seus jogadores a muitas das idéias na clínica de hoje.


©